Alunos da Escola 4 de Janeiro protestam e pedem ajuda do governo

27/09/2017 - 17:17 hs

Um grupo composto por vários alunos da Escola Estadual 4 de Janeiro montou um protesto na tarde desta quarta-feira (27), no cruzamento das avenidas Calama com Guaporé, setor Norte de Porto Velho, para chamar atenção do poder público quanto a falta de segurança na instituição.

Os alunos expuseram cartazes, faixas e proferiram versos clamando por ajuda.

De acordo com um dos manifestantes, a escola constantemente é alvo de ações criminosas, que culminam na destruição do patrimônio, subtração de objetos como: materiais escolares, merenda, ar condicionados e outros. A manifestação é com objetivo de chamar atenção da Secretaria de Estado da Educação (SEDUC), Governo e Secretaria de Defesa e Cidadania (SESDEC), para colocar segurancas, vigilantes ou até mesmo guarnição policial, que possa inibir os marginais.

Segundo apuração feita no local a Escola 4 de Janeiro foi alvo de pelo menos 19 furtos e depredação desde o início do ano.

Fonte: JH Notícias