Seja bem vindo
Porto Velho,04/12/2022

  • A +
  • A -
Publicidade

Debate entre os candidatos expõe fragilidades que precisam ser resolvidas

Debate entre os candidatos expõe fragilidades que precisam ser resolvidas


ENCONTRO


Na noite deste domingo a REMA TV promoveu o seu debate entre os candidatos ao Governo de Rondônia. Mesmo com a ausência de Marcos Rocha, o conteúdo democrático não se perdeu.


DINÂMICA


A organização do debate foi um dos pontos positivos do encontro. De uma maneira enxuta e objetiva, cada candidato colocou suas idéias. Saúde, educação, segurança  e infraestrutura foram os pontos mais explorados.





QUESTIONAMENTOS


O fato de todos os candidatos, exceto Pimenta de Rondônia,  já terem experiência política, tornou as discussões mais interessantes. Daniel  Pereira, ex-deputado e ex-governador, e Léo Moraes e Marcos Rogério, ainda nos mandatos, destacaram ações já realizadas enquanto parlamentares.





FRENTE A FRENTE


Em três blocos os candidatos puderam fazer questionamentos entre si com tema livre. Claro que os temas foram voltados para áreas nevrálgicas do Governo.


DANIEL PEREIRA X LÉO MORAES


Daniel perguntou para Léo sobre saneamento básico.  O candidato do Podemos disse que Rondônia precisa seguir modelos de sucesso existentes em outros estados, mas para isso apontou que o Estado não pode perder recursos públicos como estaria acontecendo.





SEM ÁGUA


Léo disse que municípios como Urupá, Ji-Paraná e Porto velho tem problemas crônicos de falta de água. Enfatizou que é preciso tratar a questão juntamente com a iniciativa privada .





PARCERIAS


Daniel Pereira concordou com a explanação  de Léo Moraes e acrescentou que sendo eleito vai governar em parceria com Lula, caso ele volte à Presidência da República. A afinidade com o Governo Federal  poderia trazer importantes investimentos para Rondônia, apontou Pereira.





LÉO MORAES  X DANIEL PEREIRA


No sorteio, Léo se encontrou novamente com Daniel Pereira. Moraes perguntou sobre gestão pública, como otimizar recursos e  evitar gastos desnecessários. Daniel destacou que a falta de gestão seria um problema muito nítido na atual administração. Disse ainda que é preciso criar um Conselho Estadual para fiscalizar compras públicas.


Léo destacou que o afrouxamento da Lei da Improbidade no Congresso repercutiu nos estados. Isso teria feito com que o Governo de Rondônia não desse prioridade à transparência, como nos gastos durante a pandemia. 


MARCOS ROGÉRIO X PIMENTA DE RONDÔNIA


Rogério perguntou sobre o que Pimenta tem de projeto para a questão ambiental, como ele pretende promover  desenvolvimento e  preservação. Pimenta disse que tem um compromisso de manter as bacias hidrográficas, os mananciais e as matas ciliares. Sem isso não haverá água potável nem floresta no futuro. 





PRESERVAÇÃO


Marcos Rogério respondeu que Rondônia é vítima de preconceito injusto. Aqui haveria grandes áreas preservadas diferente do que se tenta pregar. Apontou que a política de regularização fundiária precisa avançar como meio de promover o ativo florestal.


LEO MORAES X MARCOS ROGÉRIO


Léo perguntou sobre a violência no Estado. Citou carência de recursos e equipamentos que poderiam aprimorar as policias. Marcos Rogério respondeu que a violência aumentou significativamente em Rondônia. Prometeu colocar a polícia na rua e tolerância zero ao crime organizado desde o primeiro dia de governo. Prometeu também criar o Batalhão de Policia Rural.


AUTONOMIA


Léo Moraes  disse que vai criar autonomia administrativa e financeira para as policias. A Secretaria de Segurança vai apenas se preocupar com gerenciamento. Enfatizou que já existe Batalhão Rural, é preciso sim  ampliar o número de unidades em pontos estratégicos. Rogério destacou que é preciso devolver aos cidadãos a sensação de segurança que não estaria existindo nos dias atuais. 


DANIEL PEREIRA X LÉO MORAES 


O candidato do Solidariedade perguntou sobre como Léo  fará para regularizar propriedades no Estado, caso seja eleito. Léo disse que pretende criar o Instituto Terras de Rondon para tratar do tema. O candidato do Podemos afirmou que existem   entre 40 e 60 mil propriedades rurais em Rondônia  que ainda não possuem regularização fundiária. 





VALIDADE


Daniel disse que sua proposta para o setor prevê a definição do que são propriedades da União e do Estado para que não haja confusão entre o que pertence a  faixa de fronteira e o que pertence à  Rondônia. Léo disse que vai promover o  desenvolvimento ambiental lembrando que o título em mãos é o que dá tranqüilidade  aos  produtores.  


PIMENTA DE RONDÔNIA X DANIEL PEREIRA


Pimenta e Daniel promoveram o momento mais quente, digamos assim, do debate. Como o discurso mais acirrado  já é uma prática conhecida entre candidatos da Esquerda, não chegou a surpreender o momento de desconforto entre o candidato do PSOL com o do Solidariedade.





EDUCAÇÃO


Pimenta disse que os técnicos de educação  fizeram greve quando Daniel esteve como governador. Perguntou sobre o  que ele tem para a categoria caso seja eleito. Daniel disse que houve greve de toda a categoria,  não só dos técnicos. Isso teria acontecido quando ele era vice-governador com poderes limitados. 


SALÁRIOS


Pimenta disse que pretende fazer a valorização dos servidores,  ofertando um piso digno para a categoria. Daniel respondeu enfatizando que a esposa de Pimenta, que é servidora pública, sabe o que ele fez como gestor  para ajudar os assistentes jurídicos e que ela é capaz de votar nele, Daniel, por isso, e não no candidato  Pimenta. 


PIMENTA DE RONDÔNIA X MARCOS ROGÉRIO


O candidato do PSOL perguntou sobre geração de emprego e renda. Marcos Rogério destacou que Rondônia está com 31% dos jovens fora do mercado de trabalho. Disse que pretende fazer parcerias com o sistema S para aquecer a  economia e a geração de emprego. Também prometeu criar mecanismos para fomentar às micro e pequenas empresas.






TURISMO


Pimenta respondeu que vai atuar em várias fontes para gerar emprego, citando exemplos como turismo e pesca. Rogério disse que governo que guarda dinheiro para usar só em época de eleição atrasa o desenvolvimento, a  economia e a geração de emprego.





LÉO MORAES X DANIEL PEREIRA


Finalizando os questionamentos  entre candidatos, Léo Moraes quis saber de Daniel qual projeto dele para a saúde. Daniel disse que o modelo correto é a descentralização e que é preciso ir atrás de recursos que teriam sido perdidos pelo atual governo.





LENTIDÃO


Léo Moraes disse que o que está acontecendo na saúde do estado é lamentável. Apontou que atualmente leva três anos para os pacientes fazerem uma ressonância magnética e que 60 mil pessoas estariam na fila apenas para fazer consulta, com pediatra, por exemplo. Daniel disse que há  uma crise de gestão que só vai ser resolvida com a troca de comando no governo.


SUCESSO

O debate foi elogiado por todos os participantes que destacaram a organização, logística e o respeito entre os participantes.Os diretores da Rema TV, Zezinho santos e Vicente Neto, já anteciparam que se houver segundo turno a Rema também organizará um novo debate.








CUIDE + de você e das pessoas! 👨‍🦰👩🎓


Quando o assunto é saúde, a gente sabe que todo cuidado é pouco, não é? Independente da área, seja no aspecto físico ou espiritual, precisamos prezar pelo bem dos outros e de nós mesmos! 💙


E, agora, você tem a oportunidade de colocar isso em prática se inscrevendo em uma graduação de áreas que promovem uma vida melhor com até 50%* de desconto e 1ª mensalidade reduzida!


Faça sua inscrição pelo whatsApp:

 6999294-4049 

 6999311-0176 

 6999315-2496

6999293-8055





COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login