Policial é expulsa da corporação após apresentar atestado e ser flagrada na academia e em festas

A cabo Andressa Christine Medeiros dos Santos, 33, foi denunciada por conduta classificada como 'transgressão disciplinar de natureza grave'

17/03/2022 - 01:02 hs
Foto: Reprodução

247 - A Polícia Militar do Rio de Janeiro expulsou da corporação, no último sábado (12), a cabo Andressa Christine Medeiros dos Santos, 33, após a militar ser acusada de participar de eventos e frequentar academia para prática intensa de exercícios físicos enquanto usufruía de licença médica para tratamento de saúde. Ela era lotada na Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) e foi denunciada por conduta classificada como "transgressão disciplinar de natureza grave". 


A cabo foi afastada das atividades da corporação no dia 27 de julho de 2018, quando teve um ferimento no pé esquerdo provocado por arma de fogo. De acordo com o portal Uol, o documento apontou que o ferimento não foi considerado um ato de serviço e não detalhou as circunstâncias do disparo. A militar foi afastada das funções para recuperar-se da lesão, na ocasião.

Um mês após o afastamento, no dia 30 de agosto, a militar "postou um vídeo em sua página social realizando exercícios físicos em academia enquanto deveria tratar de sua saúde", destacou o documento interno da PM.

A PM disse que, em 9 e em 30 de dezembro de 2018, Andressa "participou dos eventos Feijoada de Coroação da Rainha e Encontro da Banda Amigos da Barra, ocasião que aparece dançando e utilizando calçado alto". E, em 14 de dezembro, Andressa "postou foto em rede social em academia de musculação". 

A Secretaria de Estado de Polícia Militar reforçou que a ex-policial "não apresentou conduta de acordo com as premissas da administração militar estadual, estando de licença médica em repetidos períodos, porém mantendo uma rotina de eventos sociais e exercícios físicos não condizentes com o quadro de saúde informado".

policial
Reprodução (Instagram)