Seja bem vindo
Porto Velho,04/12/2022

  • A +
  • A -
Publicidade

Crianças e adolescentes podem ter direito a benefício de R$ 1.212; veja

Você sabia que crianças e adolescentes podem receber um subsídio de 1.212 reais pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social? Sim,..


Crianças e adolescentes podem ter direito a benefício de R$ 1.212; veja

A Lei Orgânica da Assistência Social prevê esta Lei — Lei nº 8.742, de 7 de dezembro de 1993, no artigo 20, publicado no Diário Oficial da União em 8 de dezembro de 1993.

Vale ressaltar que o BPC não é uma aposentadoria. Para ter direito a ele, não é necessário que tenha contribuído para o INSS, diferentemente dos benefícios previdenciários, o BPC não paga o 13º salário e não deixa pensão por morte.

Esses benefícios visam crianças e adolescentes com deficiência, bem como idosos com deficiência. No entanto, para obter esse recurso, é necessário atender a alguns requisitos.  Confira abaixo:

Requisitos para obtenção de um BPC

  • Comprovante de restrições por meio de exames médicos e laudos;
  • verificar a renda familiar mensal de até 1/4 do salário-mínimo (correspondente a R$ 303 em valores atuais);
  • Não será obrigatório contribuir com o INSS.
  • idosos com mais de 65 anos;
  • não receber outro benefício;
  • Seja um brasileiro;
  • Esteja com uma gravação atualizada no CadÚnico.
  • Se você tem uma deficiência
  • Pode ser mais velho do que qualquer idade.
  • Prova de deficiência física, mental, sensorial, intelectual, auditiva e visual com pelo menos 2 anos.

Quem tem o direito de receber?

Todas as pessoas física, mentalmente, sensualmente e intelectualmente a longo prazo e isso afeta suas relações pessoais na sociedade devido às suas limitações.

Para crianças e adolescentes menores de 16 anos, sua condição deve ser comprovada por experiência, sendo necessário fornecer laudos médicos e atestados que comprovem a incapacidade.

Como posso solicitar o benefício?

Para solicitar um BPC, você precisará ir ao módulo CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) mais próximo da sua casa para inscrição.

Como mencionado anteriormente, será necessário que crianças e adolescentes sejam submetidos a perícia médica do Instituto para comprovar deficiências.

Serão aceitos relatórios, endosso, exames médicos e comprovante de pagamento de medicamentos para tratamento. É importante esclarecer que o INSS não aceita documentos de prova com apagamento. Eles devem ser apresentados legíveis.

Por redebrasilnews




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login