Seja bem-vindo
Porto Velho,21/07/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Cruzeiro: lua de mel com Pepa balança em véspera de clássico contra o Galo

mg.superesportes.com.br
Cruzeiro: lua de mel com Pepa balança em véspera de clássico contra o Galo


Quando Paulo Pezzolano deixou o Cruzeiro após a eliminação para o América-MG na semifinal do Campeonato Mineiro, o cenário era de terra arrasada para os torcedores que se apaixonaram pelo uruguaio durante a campanha do título da Série B de 2022. 



Tudo mudou com a chegada de Pepa, que acertou o time e teve um bom início de Brasileirão, com três vitórias em quatro jogos, e a classificação às oitavas de final da Copa do Brasil. 



Só que a lua de mel do novo casamento da torcida cruzeirense parece ter estagnado, provavelmente no pior momento possível, logo antes do clássico contra o Atlético-MG, válido pelo Campeonato Brasileiro, que será realizado em Uberlândia no próximo sábado (3).

 





O Cruzeiro venceu apenas um dos últimos seis jogos que disputou. Tudo bem que foi um clássico contra o América-MG, mas o Coelho vinha de um momento ruim e foi presa fácil para a Raposa.



Os resultados contra Grêmio, na ida das oitavas da Copa do Brasil, e Flamengo, pelo Brasileirão, talvez não sejam proporcionais às atuações, já que o clube poderia ter saído com vitórias, mas desatenções no sistema defensivo não permitiram.



A eliminação para o Grêmio nesta quarta-feira (31) piora ainda mais a situação do clube, que deixa de ganhar valores importantes e perde a oportunidade de ganhar um título considerado "mais fácil" de se conquistar. 



Problemas no meio-campo




No momento, Pepa sofre com problemas no meio-campo, onde não pode escalar parte do trio que fez parte das boas vitórias no início do Brasileirão: Richard, Ramiro e Mateus Vital.

 

 



Richard foi afastado no dia 10 de maio após ser citado em investigações sobre uma quadrilha que manipulava jogos de futebol. Mateus Vital sofreu lesão no dia 14 e voltou recentemente aos gramados. Mas quando Vital voltou, Ramiro rompeu ligamento do joelho direito e não deve atuar pela equipe em 2023 de novo.



Com as seguidas perdas no meio-campo, o Cruzeiro perde também o poderio ofensivo. Isto porque o setor é responsável direto por mais da metade dos gols da equipe neste Brasileirão.



Dos 12 gols marcados na competição, cinco saíram de assistências dos meio-campistas para Bruno Rodrigues, Gilberto e Wesley – além do gol de Ramiro na vitória por 3 a 0 contra o Bragantino. Os passes foram de Filipe Machado, Mateus Vital e do próprio Ramiro.



Momento ruim dos dois lados




Talvez para a felicidade do Cruzeiro, o Atlético-MG também não chega em um bom momento. Apesar de chegar ao confronto decisivo contra o Corinthians com seis jogos sem perder, a eliminação na Copa do Brasil acabou sendo traumática, já que alguns dos principais jogadores não foram titulares e quem entrou – Hulk, Battaglia e Edenílson – perdeu pênaltis determinantes para que a equipe fosse eliminada.






COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.