Candidatos a prefeito de Porto Velho apostam em militares e pastores como vice para agradar o eleitorado de Porto Velho

27/09/2020 - 21:56 hs
Foto: Divulgação/Candidato
Candidatos a prefeito de Porto Velho apostam em militares e pastores como vice para agradar o eleitorado de Porto Velho
Lindomar Garçon escolhe a cabo da PM Milene Barreto como vice-prefeita

As candidaturas a vice de Garçom, Miguel, Eyder e até mesmo o próprio Coronel Ronaldo mostra uma nova tendência em angariar votos na capital: apostar no vice militar. Isso baseado no resultado das últimas eleições, em que os militares acabaram sendo a maior surpresa. Militares como os desconhecidos Coronel Chrisotomo - eleito deputado federal -, o Sargento Eyder Brasil - eleito Estadual - 

e o Governador Coronel Marcos Rocha, saíram praticamente do anonimato e foram as maiores surpresas nas urnas em Rondônia. 

Confirmado: Tenente Heline Braga aceita ser vice de Vinicius Miguel à Prefeitura de Porto Velho
Tenente Heline Braga é a vice de Vinicius Miguel (CIDADANIA)

Se antes os políticos em Rondônia investiam em líderes evangélicos para conseguir votos, dessa vez, a aposta e nos militares.

Veja também

O professor Vinicius Miguel escolheu a Tenente Heline Braga como vice; o ex-deputado Lindomar Garçom escolheu a cabo da PM Milene Barreto; o Sargento Eyder Brasil apostou no Tenente Costa como vice; e a própria jornalista Cristiane Lopes escolheu o delegado Pedro Mancebo.

Já os vices do segmento evangélico ainda dominam: O advogado Breno Mendes escolheu o pastor Josinélio Muniz como vice; o Coronel Ronaldo Flores fez uma chapa e misturou militar com evangélico e escolheu a Pastora Cila, além de outras chapas com os cabeças do segmento.


Pastor Josinelio Muniz, do PATRIOTA, é o vice de Breno Mendes

Do judiciário: o candidato a prefeito do PTB escolheu o ex promotor de justiça  Ivo Benitez como vice; enquanto o ex-secretário Willames Pimentel, escolheu o ex-juiz aposentado, Dr Marco Antonio.


Já o atual prefeito, Hildon Chaves, do PSDB, escolheu o vereador e magnata Maurício Carvalho como vice. 

Autor: Juan Pantoja (Leia mais textos na coluna)