Seja bem-vindo
Porto Velho,26/02/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Rondônia Rural Show Internacional terá programação voltada às Tecnologias Sustentáveis

A feira acontece de 22 a 27 de maio, no Centro Tecnológico Vandeci Rack, na BR- 364, Km 333 e terá como tema, “Tecnologias Sustentáveis”


Rondônia Rural Show Internacional terá programação voltada às Tecnologias Sustentáveis

Considerada a maior feira do segmento na região Norte do País, a 10ª edição da Rondônia Rural Show Internacional está a pouco menos de 100 dias para acontecer em Ji-Paraná, município sede do evento. A feira acontece de 22 a 27 de maio, no Centro Tecnológico Vandeci Rack, na BR- 364, Km 333 e terá como tema este ano: “Tecnologias Sustentáveis”. O Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado da Agricultura – Seagri, tem como objetivo divulgar e transferir ao setor produtivo, conhecimentos tecnológicos gerados pela pesquisa agropecuária e industrial, bem como promover a comercialização de produtos e serviços nos diversos segmentos da agropecuária, visando o desenvolvimento sustentável do agronegócio Estadual.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha pontua que “é impossível falar de agronegócio no Brasil sem levar em conta dois aspectos fundamentais: sustentabilidade e produtividade. A tecnologia é a ferramenta que permite ao produtor rural alcançar estes parâmetros, essenciais para manter o domínio agrícola”, assegurou.

Na visão do secretário da Seagri, Luiz Paulo, os mais modernos recursos são o que, no fim das contas, fazem com que ações sustentáveis e voltadas à preservação do meio ambiente, tornem-se possíveis no dia a dia da produção rural. “A tecnologia é o principal elo entre a sustentabilidade e a produção. Se não tivermos a tecnologia, não teremos a sustentabilidade e nem a produção”, comentou o secretário.

APRIMORAMENTO

A Rondônia Rural Show Internacional ajuda a criar mecanismos para alinhar práticas sustentáveis, à rentabilidade na agricultura e na pecuária. Os produtores rurais acreditam nas ações desenvolvidas pelo Governo do Estado.

Segundo o coordenador da feira, e secretário adjunto, Janderson Dalazen, não há como pensar em sustentabilidade no agronegócio sem considerar a tecnologia. “Tecnologias como internet, aprendizagem de máquinas, georreferenciamento e tantas outras, podem ser traduzidas como experiências que podem aumentar a produtividade, por um lado, e aliar isso à sustentabilidade”, afirmou. Dalazen.

A área onde será realizada a feira já está sendo preparada para oferecer aos visitantes e expositores, as melhores condições de infraestrutura já vistas em todas as edições. A área total abrange 52 hectares, com 24 vitrines tecnológicas e ainda conta com um estacionamento com mais de 2.000 mil vagas para carros e motos.





COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.