Em grande festa, Confúcio Moura lança o programa cidades inteligentes em Ariquemes

Uma parceria entre o senador, o IFRO e a prefeitura municipal, o Projeto foi formulado para revolucionar as formas de relacionamento entre poder público e cidadãos, o programa está baseado no uso intensivo de tecnologias e na prestação de serviços online

18/03/2022 - 15:07 hs

Com uma grande festa foi lançado hoje (18), em Ariquemes, o Projeto Cidades Inteligentes. Idealizado pelo senador Confúcio Moura (MDB) e executado pelo Instituto Federal de Rondônia (IFRO), em parceria com a Prefeitura Punicipal de Ariquemes, a ação tem o investimento de R$ 22,3 milhões de reais, fruto de emenda do senador, aportado no orçamento do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação. O evento contou com a presença de diversos prefeitos, secretários, deputados, representantes do Ministério Público e do Judiciário, professores e alunos do IFRO e outras autoridades.

Baseado em uso intensivo de tecnologia, o Projeto Cidades Inteligentes objetiva modernizar a oferta de serviços públicos de saúde, educação, segurança, governança, empreendedorismo e inclusão digital. Com o Projeto, os cidadãos poderão ser atendidos online para grande parte das suas demandas junto ao poder público municipal. É o caso dos prontuários e registros médicos, do controle das atividades educacionais nas escolas, da oferta de internet gratuita por meio das ilhas digitais que serão instaladas, do polo de empreendedorismo e pela ampliação do sistema de monitoramento da segurança pública, por meio de câmeras de alta resolução integradas às unidades policiais.

Para o promotor de justiça e representante do Ministério Público, Tiago Lopes Nunes, “não é mais uma opção para os gestores públicos não investir em tecnologia. O futuro chegou, é hoje!”, uma vez que tudo gira em torno dela. Na mesma linha, o assessor técnico do Tribunal de Contas do Estado – TCE, Braga Neto, afirmou que a “tecnologia acelera o desenvolvimento e facilita a inclusão”. O vereador Renato Padeiro (Solidariedade) cumprimentou os idealizadores do Projeto Cidades Inteligentes, dizendo que a “Câmara Municipal de Ariquemes está totalmente informatizada, integrada e que isso resultou na economia de 320 mil reais ao ano. Com este Projeto, será possível melhorar ainda mais. Parabéns senador Confúcio Moura”, concluiu.

Ao agradecer ao senador Confúcio Moura e ao IFRO pela parceria, o vice-prefeito Gabriel Amaral, disse que “o município de Ariquemes se sente honrado em ser o primeiro a ter o Projeto implantado e que se coloca à disposição para oferecer todo o apoio necessário”. Para o deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa, Alex Redano (Republicanos), o “senador Confúcio Moura tem o olhar na frente, no futuro. Enquanto os gestores estão decodificando o problema, Confúcio já vem com a solução. Poucos políticos têm a coragem de aportar quase 23 milhões em apenas um município. É o nosso grande mestre!”, fez questão de enfatizar.

Ao falar, o deputado federal e presidente do MDB de Rondônia, Lúcio Mosquini, se disse fã incondicional do senador Confúcio Moura, “pela sua visão de futuro, sua capacidade criativa. Se houvesse um ranking para os políticos no Brasil, Confúcio seria o primeiro, o mais visionário e o mais brilhante. No Congresso, quando Confúcio fala, todos ficam atentos. E olhe que prender atenção de parlamentar não é fácil. Sou um admirador de Confúcio Moura”, declarou o deputado.

Ao ser chamado à fala, Confúcio Moura agradeceu as palavras e lembrou do tempo em que foi deputado federal, quando se usava máquinas de escrever na Câmara Federal. “Máquinas enormes. Quando chegou a internet, eu fui o primeiro deputado a criar um blog. E quando o Michel Temer, então presidente da Câmara comprou celulares para os deputados eu, médico, fiquei com medo de usar, pois achava que dava câncer no ouvido. Seis meses depois de receber aquele tijolão é que tive coragem de usar”, brincou o senador. Dizendo-se adepto da tecnologia e convencido da sua importância para a vida de todos, Confúcio afirmou que a primeira ação como governador foi criar a Infovia, que leva a internet por meio de fibras óticas a todo o estado de Rondônia.  “O Projeto Cidades Inteligentes inicia hoje, mas não acaba nunca mais. Depois de completamente operacional, a própria sociedade vai exigir de nós, gestores, a sua continuidade, aperfeiçoamento e ampliação”, disse.

O senador encerrou a sua fala informando a todos que o próximo município a receber o Projeto Cidades Inteligentes será Rolim de Moura e que continuará trabalhando para que o Projeto alcance mais municípios do estado.

Ao encerrar a solenidade de lançamento do Projeto Cidades Inteligentes, o reitor do IFRO, Uberlando Tiburtino Leite, enfatizou a parceria com o senador Confúcio Moura e a sua coragem em formular projeto tão grandioso. “Visionário e corajoso. Quando ele falou em 23 milhões, chamei a minha equipe e comentei que achava que ele tinha se enganado. Era muito dinheiro para um projeto que alcançava apenas um município. Mas, o senador provou que faz o que conhece. Estamos hoje realizando uma grande festa, para um grande projeto”, finalizou o reitor.